Biobibliografia

“De mim, eu direi o seguinte: divorciado. Casei em 1984. Em 1986 nasceu o Daniel Henrique, o meu único filho. As zonas mais sossegadas do paranormal – ou seja, as menos “espampanantes” e menos “parolas” – e, também, o automobilismo e a música acompanham-me há longo tempo, como motivos onde descubro interesse. Também aprecio o futebol, o atletismo, os documentários televisivos, o culto da memória, os jogos RPG para consola, o coleccionismo (sobretudo os que se debruçam sobre a Natureza), a preservação dos objectos. Quando votei, votei sempre na esquerda.”

Julho de 2009, Daniel Maia-Pinto Rodrigues

Página Literária do Porto © todos os direitos reservados
design e implementação | Tiago Cruz